12 outubro 2016

[Resenha] Raio de Sol - Por Kim Holden



Título: Raio de Sol
Autor (a): Kim Holden
Páginas: 448
Editora: Planeta de Livros
Skoob || Encontre

Sinopse: Segredos.
Todo mundo tem um.
Alguns são maiores que os outros.
Alguns, quando revelados,
Podem curar você...
E outros podem acabar com você.
Faça épico, costuma dizer Kate Sedgwick quando quer estimular alguém a dar o melhor de si. Nascida numa família-problema, com direito a mortes e abandono, a garota de dezenove anos sempre buscou fazer a diferença. Em vez de passar os dias lamentando os infortúnios da vida, como tantos fariam em seu lugar, sempre vê as coisas pelo lado positivo não é por outro motivo que Gus, seu melhor amigo, a chama de Raio de Sol.
E é por isso que, quando passa na faculdade e se muda da ensolarada San Diego, na Califórnia, para a fria cidade de Grant, em Minnesota, ela leva consigo apenas boas lembranças e perspectivas. O que ela não espera é que será surpreendida pelo amor único aspecto da vida em relação ao qual nunca quis ser otimista ao conhecer Keller Banks, um rapaz que parece corresponder aos seus sentimentos. Acontece que tanto ele quanto ela têm um segredo. E segredos, às vezes, podem mudar tudo.


Kate é uma garota especial. Linda, extrovertida, xinga como um caminhoneiro e sempre vê o lado bom das coisas, até mesmo quando a vida te dá uma rasteira ela preserva seu otimismo. Qualidade que fez seu melhor amigo Gus te dar o apelido de Raio de Sol. Agora, a jovem está de mudança da ensolarada San Diego para a fria Grant em Minessota, pois vai realizar seu sonho de estudar psicologia. Em Grant ela conhece Clayton, Pete e Shelly, que logo percebem o quão raro é ter uma amiga como Kate, que faz de tudo para te ver sorrir e mostra suas garras quando seus amigos são ameaçados.

"Grant é bonita, pitoresca, até. O campus é pequeno e os prédios são antigos, mas não no sentido de ferrados e maltratados, e sim grandiosos e bem-cuidados. Os alojamentos também são antigos. São quatro andares de tijolo, cimento e hera, mas têm personalidade e são convidativos. Dou um suspiro de alívio."

Mesmo separados, Gus e Kate falam-se todos os dias mostrando que sua amizade continua forte como sempre. Gus está preste a deslanchar em sua carreira musical como estrela de uma banda de rock, e nada faria Kate mais feliz do que ver seu amigo ter tudo aquilo que ele sempre mereceu. A jovem tem regras para viver, ela sempre tira o melhor proveito de tudo e nunca se apaixona, isso até conhecer Keller Banks.

"A voz dela é tão sexy. Não consigo explicar o som, mas chega no fundo de mim e se enraíza. É o tipo de voz que não exatamente se ouve, mas se sente. E, assim que a sinto, quero sentir de novo... e de novo. Percebo que estou tentando corresponder ao sorriso dela. O canto direito da minha boca se eleva."

Há muito tempo Keller se fechou para o amor, mas assim que pôs os olhos em Kete teve certeza que todas suas estruturas foram abaladas, mas ela tem seus segredos, ao mesmo tempo que Keller também tem. Será que Kate e Keller deixarão seus segredos atrapalharem aquilo que pode ser uma grande paixão? Ambos descobrirão que o amor nem sempre conserta tudo.





Há muito tempo que não lia um livro tão intenso e que fez me sentir como se um caminhão tivesse me atropelado. Raio de Sol é de longe um dos livros que mais amei nesse ano, além da estória fantástica que o livro trás, refleti muito sobre as coisas corriqueiras da minha vida. Espero conseguir por em palavras tudo aquilo que o livro me trouxe.

Raio de Sol é narrado em primeira pessoas pelos pontos de vista alternados de Kate e Keller, sendo esses capítulos os dias em que os personagens estão vivendo. Kate é a melhor pessoa que já conheci em livros. Ela é extremamente otimista e confiante, mas não daquele jeito irritante que sabemos que é falso só para mostrar para as pessoas, aqui vemos que é totalmente verdadeiro e sincero esse seu jeito de ser, e tem uma ótima razão por ela aproveitar cada segundo de sua vida. Todos a sua voltam a amam e desejam ser uma pessoa melhor, pois é exatamente isso que Kate desperta nas pessoas, um sentimento de que tudo pode dar certo e que podemos ser quem quisermos. A jovem nunca deixa sorte para o acaso e basicamente aproveita todas as oportunidades que aparece em sua frente, jamais se arrepende pois simplesmente tentou, mesmo dando certo ou não.


Keller me fez gostar dele aos poucos. Conforme ele ia deixando Kate entrar, sentia que o conhecia um pouco mais. Pra mim ele é simplesmente um cara de sorte que ganhou o coração da Kate e achei fantástica a construção do passado dele, foi totalmente justificável a forma como isso formou quem ele se tornou. Mesmo com tudo isso, ainda o achei um personagem bem razoável sem muitas expectativas. Já Gus foi meu amor a primeira "lida". Ele é o melhor amigo da Kate e pra mim, o cara que deveria ter ficado com ela. A relação que eles tem é palpável e intensa. Gus faria qualquer coisa para que Kate fosse feliz. As melhores partes da estória foram aquelas que Gus estava presente e torci para que ele revelasse que morria de amores por ela.

"— Acho que você tinha que ter estado presente para entender.
— É o que parece. — Ele dá uma risadinha sonolenta.
— Faça épico.
— Faça épico — ele repete.
— Te amo, Gus.
— Também te amo, Raio de Sol."


Os personagens secundários da estória foram  muito bem construídos, todos tem um propósito e nenhum está ali por estar, como o caso do seu amigo gay Clayton. Ele se torna amigo de Kate logo no primeiro dia de aula e a amizade foi crescendo gradativamente, assim como deve ser, e vemos o quanto Kate se torna leal a ele. Outro ponto que achei muito bacana foi que a autora explorou a homofobia. Clayton é perseguido e maltratado por um cara que se julga melhor que ele, tudo se desenrola com muita realidade mostrando a crueldade por trás desse ato hediondo.


Temos também outros personagens muito importantes como Shelly, jovem filha da dona da floricultura no qual Kate começa a trabalhar. Shelly é a típica garota durona do interior, mas se revela uma pessoa divertida, amiga e muito companheira. Todos eles percebem o quão preciso é ter Kate em suas vidas.


---- >>> O próximo paragrafo vai ter o maior spoiler do livro, então, você que pretende ler o livro e não deseja saber recomendo que pule. <<<----

Mesmo tendo amado muito a estória, sinto muito raiva pela crueldade que autora usou nessa estória, e é impossível para mim terminar essa resenha sem antes dar esse pequeno desabafo. Fica nítido desde o começo que Kate está doente, desde as inúmeras vezes que ela diz que não acordou legal, ou as vezes que ela diz que está com dor. Eu sabia disso e mesmo assim não queria acreditar, mas o inevitável ocorre, Kate tem câncer terminal. Chorei como uma criança, ora por tristeza, ora de raiva. Não entrava na minha cabeça que autora pudesse fazer com que nos apeguemos a ela pra simplesmente ser tirada assim nós, ainda mais por Kate ser uma pessoa extraordinária. A questão que ficava em minha mente era: "Por que com tanta gente ruim no mundo, são as pessoas boas que sofrem?".

Depois de refletir bastante entendi o que a autora quis passar, o câncer ou doenças graves, não fazem distinção de pessoas, ele simplesmente entra na vida das pessoas, destroem tudo que veem pela frente, e no final, só resta uma sombra do que se foi. Isso ficou claro quando a autora fez questão de mostrar Kate definhando pela doença até seu Raio de Sol se apagar. Sim, foi cruel e muito difícil de ler principalmente pois tinha a sensação de ter Kate como uma amiga próxima, mas é justamente isso que Kate representa. Ela poderia ser uma amiga minha, ou até mesmo uma pessoa da minha família. É muito difícil para quem passa, como pra quem está assistindo, e falo isso por experiência própria, é algo que não desejo a ninguém.

---- >>> Fim do spoiler  <<<----


A edição física do livro está fantástica. A capa trás toda a essência da estória e internamente em nada deixa a desejar. As folhas são amareladas com letras e espaçamentos em ótimos tamanhos para se ler, também durante a leitura não encontrei nenhum erro de ortografia mostrando que o livro foi bem revisado. A escrita da autora é sensacional e visceral, sentimos exatamente todo que os personagens passam. Virei fã da autora e desejo muito poder ler mais livros dela.


Raio de Sol é um belo exemplo de livros que a sinopse não faz jus a grandeza do livro. Ele não é só mais um romance e também está longe de ser uma estória simples. O livro trata de relacionamentos familiares, de ser quem você deseja ser de verdade, homofobia, entre outros assuntos de extrema importância em nossa sociedade. Recomendo o livro a todos que amem um livro cheio de emoções e que te fará refletir mais sobre a vida.

14 comentários:

  1. Olá
    Eu também favoritei esse livro e com certeza entrou para a lista de melhores desse ano. Adorei poder conferir suas impressões, especialmente por ter me identificado bastante com o texto. É um livro tão intenso né? E as mensagens são muito especiais e vale muito a pena fazer essa leitura. A sinopse nao faz mesmo jus a imensidão desse livro. Recomendo fortemente <3
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Olá. Mais uma pessoa que diz que sentiu como se foi atropelada por um caminhão após a leitura desse livro. Não li, mas fiquei muito feliz quando a autora disse que ia lançar ele por saber que era bom. Mas depois que fiquei sabendo do spoiler que você deu (não foi por você kkk) perdi a vontade. Não gosto de fins triste e também achei crueldade da autora. Amei sua resenha. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Já tinha ouvido e lido boas criticas para cm este livro, mas a sua resenha, realmente me emocionou e me despertou a vontade de ler e chorar com esta história. As fotos que você postou estão lindas, mas os quotes que você compartilhou fizeram toda a diferença.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá
    Nossa,ainda esta para nascer um livro que me faça derramar lágrimas, pois isso nunca aconteceu comigo. O máximo que um livro me provocou foi os olhos vermelhos e nada amsi rsrs. Já l idiversas resenhas relacionados a obra, e todas são bem elogiadas. Lidar com doenças terminais sempre é difícil, e você deve ter sentido muita tristeza por saber disso. Quanto aos personagem secundário, eu fico feliz que a autora tenha sabido trabalhar os mesmos, pois se eles estão lá no livro para alguma coisa eles tem que servir. Até mais vê
    Abçs

    ResponderExcluir
  5. Oi Stéfani,

    Eu já li algumas resenhas sobre esse livro, mas foi a sua que mais me chamou a atenção, principalmente pelo seu desabafo. Livros que abordam doenças sempre mexem muito comigo, sempre me deixam pensativa sobre a minha vida e das pessoas que eu amo. Apesar de ser um livro aparentemente muito bom, eu estou fugindo de livros que me façam refletir muito haha Mas eu adorei - mesmo - o seu ponto de vista e espero poder lê-lo em breve.

    beijos =)

    ResponderExcluir
  6. Olá Stéfani,
    É tão bom quando lemos um livro e sentimos um caminhão passando por cima de nós.
    Estou muito curiosa com relação a esse livro e querendo encaixá-lo entre as próximas leituras, mas está difícil arrumar um espaço rs.
    Gostei muito da sua resenha e acho que essa obra vai mexer muito comigo, achei legal ter sido trabalhada a questão da homofobia, pois é um tema bem atual que, diga-se de passagem, precisa ser discutido.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Oie,

    Bastou avisar que era spoiler e eu já estava grudada lendo. kkkkkkk Olha e acho que foi mais por ele que minha vontade de ler o livro aumentou. Quando ele foi lançado não me chamou muito a atenção, sentia como se faltasse um gatilho para ler e aqui na sua resenha encontrei.
    Já vi que vou chorara muito lendo, porque sou dessas.
    Com certeza já vou colocar ele na minha lista de desejos.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  8. Então tudo bem? Eu pulei a segunda parte pois quero muito ler esse livro fico até pensando em passar ele na fila de tanto de vontade que estou de lê-lo. É muito bom quando o livro é tão legal que fica difícil descreve-lo eu amei demais sua resenha e adorei saber que os personagens são bem construídos espero ler o quanto antes e me emocionar claro.
    Bju
    Mary Reis

    ResponderExcluir
  9. Não li a parte do spoiler e achei legal você ter colocado para quem não deseja ler o livro, eu vejo muita gente falando que este livro é maravilhoso e totalmente intenso, este o motivo pelo qual quero ler ele e fico curiosa para saber o que acontece por isso quase li o spoiler, mas não vou fazer isso porque quero descobrir sozinha.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  10. Olá! Não tinha dado muito por esse livro quando o vi pela primeira vez, achei que fosse só mais um romance água com açúcar, mas sua resenha mudou tudo, fiquei muito animada pra ler e me apaixonar pela história também! Colocando na listinha pra ontem, beijos

    Luana

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu já vi esse livro por aí e sempre tive curiosidade com ele, por isso fiquei animada com sua resenha. A protagonista parece ser muito cativante, gosto bastante de personagens otimistas e isso ser de uma forma sincera é ótimo, porque realmente as vezes é forçado e não fica bacana. Além disso, embora seja cruel, eu gosto de livros que abordem doenças como o câncer e imagino que iria refletir muito com a história mesmo. Enfim, gostei bastante da resenha e espero ler o livro em breve.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  12. Oie!
    Eu já li esse livro e gostei bastante da históra apresentada. Foi um livro com uma leitura bem emocionante do qual eu gostei bastante de acompanhar. Indico para todos que gostam de histórias emocionantes.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem? Que resenha linda. consegui visualizar nitidamente como é a personalidade da Kate e quem será no mundo tivéssemos mais pessoas como ela. Estou com muita vontade de ler esde livro e sua resenha despertou ainda mais minha curiosidade.
    Bj

    ResponderExcluir
  14. Não aguento mais ler tanta resenha linda desse livro, sério! Hahahaha
    Preciso muito ler, mas cadê que eu consigo adiantar as leituras para poder lê-lo?
    Tenho certeza que vou amar a história, pois a cada resenha que leio me apaixono ainda mais por ela, e olha que são apenas resenhas! Hahahaa
    Sei que ficarei destruída após a leitura, mas quero ler o quanto antes! !

    Beijos

    ResponderExcluir